Meu primeiro artigo científico, pela pura graça de Deus!



Vou contar uma história real: ano passado um dos meus professores pediu para escrevermos um texto sobre aquela pesquisa do IPEA (lembram?) com os famigerados resultados "machistas" e "patriarcalistas". Eu escrevi o mesmo texto que publiquei aqui no blog (aqui e aqui), e quando ele leu pensou que estava bem diferente para uma aluna de graduação da carreira da saúde. Foi então que ele buscou um trecho na internet e percebeu que era o mesmo de um blog. Conversou comigo e viu que a dona do blog era eu (kkkk), portanto fui eu mesma que escrevi o texto (e cometi auto-plágio, mas isto não vem ao caso rsrs). O fato é que Deus foi tão bom comigo que este professor me convidou para escrever um artigo com ele sobre o tema. Ele poderia simplesmente negar o que eu escrevi ou não me dar a oportunidade de expor o que estudo há anos, mas não, tive a oportunidade de redigir um artigo e publicá-lo em uma boa revista.

Divulguem-no, por favor, afinal não é qualquer dia que se cita Régine Pernoud, Roberto de Mattei, Chesterton, Edmund Burke e a Revista Terminal num mesmo texto originário de uma universidade pública :)

http://www.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/refacs/article/view/1097

You Might Also Like

0 comentários