11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Escrito por Silvana Ramos para o site Catholic-Link Spanish; traduzido da versão em Inglês de Edward de Serpa Pimental. Imagens do post original.

 

Abraçar a castidade e mantê-la nem sempre é uma tarefa fácil. Se você é católico e já ouviu falar sobre isso desde cedo, talvez seja mais simples. Fica complicado quando, como Santo Agostinho, a conversão acontece como um adulto e é só então que você começa a entender o que é a castidade e a importância da pureza em sua vida. Do mesmo santo e doutor da Igreja, então, aprendemos como foi difícil para ele conquistar essa virtude, e como ele costumava orar: "Senhor, dá-me a castidade ... mas ainda não" (Deus lhe deu essa graça segundo Seus desígnios e Santo Agostinho a abraçou de todo o coração.) 

A famosa oração de Santo Agostinho ainda faz muito sentido nos dias de hoje, quando falar sobre castidade pode soar insano. Quem quer confrontar o mundo em questões de sexualidade - algo que mais se defende e  “aprecia” atualmente? Nosso mundo confuso e que superestima o prazer não quer ver que a castidade é uma bela virtude que nos permite descobrir quem somos e para que somos chamados. Não é simplesmente esperar até que nos casemos antes de fazer sexo e nos abster enquanto somos solteiros. De jeito nenhum! A castidade é muito mais que isso; é uma virtude que incorpora toda a sexualidade humana e nos permite vivê-la corretamente. Explicar isso em um mundo secular é uma tarefa gigantesca, quase impossível. Então, imagine o que uma garota deve passar e, mais ainda, um cara que escolheu abraçar e promover essa virtude como um adulto. Quem "só" vai querer segurar minha mão quando eu tiver quase 30 anos? Por mais louco que essa pergunta possa parecer, em um mundo sexualizado como o que vivemos, é completamente válido.

Eu já ouvi muitas garotas e alguns caras dizerem que sair com alguém hoje em dia é quase um exercício de sobrevivência. Eles dizem que as opções são limitadas a só sair com os católicos e que  as opções são, para tornar as coisas mais difíceis, ou muito escassas ou repletas de outros conflitos baseados na fé. É exaustivo sentir-se constantemente diferente, ou ter que defender seu estilo de vida mil e uma vezes. O preconceito que as pessoas têm contra você é enorme e limita suas opções.

O que temos em comum como seres humanos é que todos estamos à procura de amor, isto é, amar e ser amados, e é aqui que nós cristãos temos uma enorme vantagem: conhecemos Aquele que é o próprio amor. Tendo dito isso, estou me atrevendo a oferecer alguns conselhos que alguém me deu há algum tempo sobre relacionamentos no mundo hoje e castidade. Eu mantive este conselho guardado no meu coração e hoje eu compartilho com você:

1. A amizade é muito importante

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Um bom relacionamento começa com uma boa amizade. Como você pode dizer que ama alguém se não a conhece? Você pode achar alguém muito atraente, mas além dessa atração, quem é essa pessoa? A amizade é um lindo caminho para caminharem juntos. Aprenda a ser um bom amigo primeiro. Eu ouvi Jason Evert dizer algo como “Quantos filmes você lembra onde a verdadeira amizade é mostrada entre um homem e uma mulher sem eles terem tido um relacionamento sexual?” E é verdade, estamos acreditando na ideia de que a amizade entre um homem e uma mulher deve em algum momento envolver um relacionamento sexual. E isso não é verdade.

2. Conheça a si mesmo e defina o que você quer

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Antes de estar com alguém, você tem que saber o que é que você quer para si mesmo e o que você espera da outra pessoa. Se você não sabe o que quer, então é melhor não começar nenhum tipo de relacionamento. É importante que você se conheça, que tenha se perguntado pelo menos alguma pergunta sobre sua vocação e se o casamento é realmente para você. Pode ser que você não esteja muito certo sobre por que você está saindo com alguém: apenas para ter algo para fazer? Para que você não se sinta sozinho? Seja responsável e não brinque com os sentimentos de outras pessoas. Pergunte a si mesmo o que você quer e, acima de tudo, pergunte a si mesmo que tipo de pessoa você está procurando. Não fazer isso é correr o risco de que mais de um de vocês acabe se machucando.

3. Não bombardeie as pessoas com argumentos que não irão compreender. Use sua iniciativa

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Pode parecer que você tem que estar na defensiva desde o primeiro encontro - e você nem sabe o sobrenome da outra pessoa ... Em vez de fazer uma cena, ou pior ainda, se encontrar em uma situação desconfortável onde você só pode defender-se dizendo que você é católico e que você acredita em castidade e blá, blá, blá ... você tem que ser mais astuto. A castidade faz sentido com Deus na situação. Se você sabe que a outra pessoa não é católica (ou é apenas nominalmente), então tentar explicar-lhe de imediato o que é a castidade será uma perda de tempo ou mesmo soará como uma provocação para alguns. Você não pode discutir sua vida pessoal com alguém que você não conhece. Se você não quer que a outra pessoa o toque ou sugira algo imoral, evite-o, mude de assunto e não fique sozinho. Em outras palavras, você entraria no carro de um estranho sozinho? Não. Volte para o primeiro ponto: antes de sair com alguém, seja amigo primeiro!

4. Compartilhem seus valores e cheguem a um acordo juntos

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Ser católico implica viver uma vida de castidade. Viver castamente não é apenas abster-se do sexo, mas verdadeiramente saber quem você é como homem ou como mulher. A castidade consiste em usar sua sexualidade da maneira certa. Comprometa-se a entender o que a castidade significa para você em sua vida, reserve um tempo para aprender sobre isso, receba os Sacramentos com frequência e faça um compromisso vitalício entre você e Deus. Ele é aquele que lhe dará a força que você precisa para superar seus desafios. Mais do que isso, Ele os superará com você.

5. Eleve seu nível de exigência

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Eu devo ter ouvido isso tantas vezes, "é que os homens são assim mesmo." Eu tenho um filho, ele ainda é muito jovem, mas toda vez que eu ouço essa expressão eu penso nele: nunca, mas nunca eu quero que alguém aceite suas fraquezas e não o desafie a ser uma pessoa melhor, a dar o melhor de si mesmo. Nós mulheres somos capazes de transformar qualquer velhote em um cavalheiro na medida em que podemos elevar o nível. Então, seja específico e defina o limite. As pessoas têm medo, e acredito que é em parte devido à pressão dos colegas por ter que sair com alguém, apenas por causa disso, e por outro lado, e de forma significativa, é devido à falta de fé. Aumente o nível, exija respeito.

6. Use do humor e de sua inteligência

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

O humor é sempre um bom aliado. Você não precisa discutir sobre sua religião ou sua opinião com alguém com quem você venha a entrar em um relacionamento sério. Se vocês estão juntos é porque há amor e afeição entre vocês. Use seu senso de humor e inteligência. Se essa pessoa não souber sobre Deus, desafie-a a investigar, a conversar com outras pessoas. Você não precisa ter todas as respostas (você pode não conhecer todas elas ou talvez tenha argumentos fracos). Este é um desafio para você também, para se educar e reforçar sua fé e sua decisão de seguir a Cristo. Não há melhor evangelização do que seu próprio testemunho e alegria. Leve os argumentos do seu parceiro com bom humor e desafie-o a fazer sua própria investigação.

7. Conheça a família dele e seus amigos (e vice-versa). Gastem tempo juntos com outras pessoas

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

Para isso, volte novamente ao primeiro ponto: seja amigo. Muitas vezes, quando um relacionamento começa e, especialmente, quando o lado físico entra, o casal tende a se isolar e começa a viver em um mundo de suas próprias ilusões. Desta forma, você perde a objetividade, você só conhece um lado das coisas, e é obviamente insincero para alguém que vive castamente estar sempre sozinho com seu namorado ou namorada. Conheça como ele ou ela se dá com seus amigos, com a família dele ou dela. Outras pessoas são testemunhas da existência de cada um de nós e são bons pontos de referência, especialmente quando se está conhecendo alguém.

8. Aprenda a se comunicar. Ouça. Fale. Ouça

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

E nessa ordem. Como você pode conhecer alguém se você é o único que fala e se faz conhecer e você só fala sobre si mesmo? (Isso é mais frequente em meninas do que em homens. É da nossa natureza.) Aprenda a ouvir, não importa quantas poucas ou quantas palavras alguém tenha a dizer para você, não tenha medo de perguntar e não tenha medo de responder. As perguntas e respostas que recebemos nos revelarão quem é esse alguém.

9. Se você não tem certeza sobre alguma coisa, você tem todo o direito de pedir esclarecimentos, e você sempre pode dizer não

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

"Eu não sei se só estamos saindo, se somos apenas amigos ou se já somos um casal." Eu ouvi isso tantas vezes! Pergunte! É a sua vida! Você tem o direito de perguntar e dizer não, para definir um limite sobre o que você não gosta. Se você é próximo de alguém, você se conhece bem e seu relacionamento é um pouco mais íntimo do que apenas amizade e de repente ele diz: "Eu não quero nada sério", bem, a única coisa que resta a dizer é que você tem que deixar as coisas na dúvida ou às claras. Ninguém tem o direito de brincar com a sua vida, nem com a sua nem com a de ninguém.

10. Não continue saindo com alguém só porque um dia você espera que ele mude

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

"Eu sei que ele vai mudar, no fundo ele é uma boa pessoa." Sair com uma pessoa com a esperança de que ela mude por você é bastante arrogante e muito desonesto. Você não está apenas se colocando em risco, mas talvez tudo o que você esteja fazendo seja sair com alguém imaginário, e a realidade é bem diferente do que você acredita. O processo de mudança é algo pessoal, é uma decisão que alguém faz da sua própria iluminação pela graça de Deus. Eu sei que romper com alguém que você acha atraente é realmente difícil. Procure conselho e ajuda.

11. Confie em Deus. Não negligencie a vida espiritual

11 dicas para se viver de forma casta quando estiver em um relacionamento sério

A virtude da castidade é vivida nas mãos de Deus. Receba os Sacramentos com frequência, construa um relacionamento com Deus. Faça da sua vida uma oração. É verdade que são frases clichê e você já as ouviu antes. É hora de colocá-las em prática. Dê uma olhada em nossos recursos que podem ensinar a você como orar, como fazer um bom exame de consciência e como deixar Jesus se tornar um grande amigo seu.

A castidade é um caminho que vale a pena ser trilhado. Um casto casamento, no qual o casal pôde esperar para que pudessem se entregar completamente e pelo resto de suas vidas, é um presente realmente lindo. As feridas de uma vida desordenada causam dor e riscos reais a um futuro casamento, e embora Deus realmente tenha te perdoado e até te dado a graça de ter um casamento casto, há muitas coisas que não desaparecem - memórias que podem ferir você, que impeçam a sua receptividade ao seu cônjuge e o coloque para baixo. Não vale a pena. A castidade será sempre a melhor opção para o amor verdadeiro entre um homem e uma mulher. Lembre-se: há muitas pessoas como você, talvez não digam, porque é difícil dizer essas coisas em voz alta, e além disso, um pouco de discrição nunca vai mal quando se trata de sua vida privada.

Apenas lembre-se de que existem muitos outros que como você anseiam pelo amor verdadeiro.

Tal é a luta que você deve travar: uma luta contínua contra a carne, o diabo e o mundo. Mas não tenha medo; porque Aquele que nos envia para a batalha não é um espectador indiferente, nem disse que você deve confiar somente em sua própria força
( – Santo Agostinho de Hipona)

Aline Galhardo

Aline é Católica, esposa e mamãe da Gianna.

Dá aulas de Inglês e faz trabalhos de tradução.

POSTS relacionados

Enviando Comentário Fechar :/