7 Qualidades de Padrinhos Decentes e Pais com Bom Senso

7 Qualidades de Padrinhos Decentes e Pais com Bom Senso

Sua vida é o seu currículo

Eles são escolhidos pelos pais (ou pelo menos deveriam ser). É preciso observar como vivem a fé católica e o testemunho de sua luta sincera em aplicar os princípios do evangelho, isso é o que mais importa. Padrinhos são pessoas que, pelo seu testemunho de vida, podem lançar luz ao recém-batizada de como viver como um bom cristão. Dessa forma os padrinhos são pessoas escolhidas visando a vida espiritual da criança, serão como luzes para essa criança estando os pais presentes ou não. Mutos estão somente pensando na falta física e escolhem, portanto, quem cuidaria fisicamente da criança (na melhor das hipóteses, pois, existem os que escolhem como em um sorteio de péssima qualidade), mas os padrinhos de batismo são cuidadores espirituais, podem e devem ajudar materialmente e fisicamente mais essa não é a maior função dos padrinhos. A função dos padrinhos é de orientação e exemplo de fé e prática da mesma na Igreja. Portanto, os pais devem escolher alguém que assim seja e os padrinhos devem se manter fortes como lumes e presentes como faróis que mostram a direção.

 

 Dê o melhor presente

 Nós não devemos esperar que a madrinha presentei com o melhor presente de Natal ou aniversário. Padrinhos presenteiam o dom da fé, acompanham por toda a vida de perto e sinceramente a vida espiritual e o relacionamento com Jesus desse novo cristão.

 "Queridos pais e padrinhos, se querem que seus filhos sejam verdadeiros cristãos e ajudá-los a crescer" imersos "no Espírito Santo, isto é, no calor do amor de Deus, à luz da Sua Palavra, não se esqueça, de invocar muitas vezes e todos os dias o Espírito Santo" (Papa Francisco, 2015).

 Você não é um mãe ou pai substituto

 Às vezes pensa-se que quando pedi-se a alguém para ser madrinha ou padrinho, o que eles estão pedindo é para cuidar do pequeno se os pais morrerem. Não! Os padrinhos não são pais substitutos, eles devem acompanhar os pais e incentivá-los, assim como fazem com o afilhado.

São uma família espiritual unida no amor e na fé (por isso os padrinhos devem ser católicos, conscientes, que vivem a fé que professam), portanto, não é uma responsabilidade legal caso as crianças fiquem órfãs. Obviamente, o compromisso espiritual não remove o ato de se preocupar com o bem-estar físico e material de seu afilhado.

 

 Compartilhe o melhor que você tem

Portanto, as ações do padrinho ou madrinha, a sua fé deve alimentá-lo e fazê-lo crescer. É uma responsabilidade, portanto, devem estar preparados para responder a perguntas e para acompanhar momentos escuros, não só com o apoio financeiro e presentes agradáveis, mas com a Palavra de Deus, com a esperança cristã e de amor.

Aos pais das crianças, os padrinhos e parentes, o Papa Francisco disse: "ajudarão essas crianças crescerem bem se lhes derem a Palavra de Deus, o Evangelho de Jesus." Mas também, "devemos dar o exemplo."

 

Portanto, pessoas que acham que o que Jesus disse é bonito, que até repetem versículos bíblicos mas não vivem a fé católica, baseado nas orientações da Igreja, não deveriam ser padrinhos de ninguém, pois seria uma falsidade ser sinal de orientação de algo que não se vive. E isso é motivo até mesmo de vergonha, afinal, não é preciso muito conhecimento teológico para se chegar a essa conclusão, ninguém pode orientar algo que não vive.

 
Fique perto

 
Recomenda-se a procurar dentro da família, é muito mais fácil para garantir uma ligação forte com o afilhado. Entre os amigos também é uma boa idéia, mas a intenção é ser alguém próximo, que não vê seu afilhado apenas nas férias, mas compartilhar o tempo juntos, que conheça o processo e seu desenvolvimento como pessoa e como cristão. É triste quando você pergunta a alguém por seus padrinhos e ela não os vê há anos. E Código de Direito Canônico no. 874 informa que o padrinho de Confirmação ou Crisma deve ser o mesmo do Batismo, considerando esse acompanhamento.

 

 Pratique o que você prega

 
Interessante e hipócrita os muitos que pedem uma carta ao pároco para batizar uma criança, pessoas que nunca foram vistos na paróquia e ninguém sabe quem são ou sabem, mas não da Igreja. Não quero dizer que os padrinhos devem ser populares na Igreja - pelo contrário- , mas buscamos pessoas assíduas na fé, comprometidos com ela e a vida da Igreja, assim podemos esperar que acompanhem seu afilhado à Santa Missa, para explicar os sacramentos ou, caso more em outra cidade ou frequentem outra paróquia, possam comentar as leituras da Santa Missa de Domingo por uma ligação de vídeo ou comentar o que ela mais gostou na homília ou sobre as orações que anda a rezar. Se parecem objetivos difíceis devemos lutar para alcançá-los. 

 
Você deve estar disposto a assumir a responsabilidade por tempo indeterminado

 
O Batismo abre as portas do Céu aos batizados e ele passa a fazer parte da Igreja, a ser filho de Deus e vocação a vida eterna. Quem concorda em ser a madrinha ou padrinho faz isso indefinidamente, como um símbolo de amor para seu afilhado, mas também como um serviço a Deus, que acompanha este novo cristão no seu desenvolvimento e maturidade.

Quem concorda em ser a madrinha ou padrinho assume um compromisso pra sempre, porque a qualidade de filho de Deus é eterna, portanto, o seu trabalho de amor, companheirismo, cuidado e orientação não termina quando o afilhado se torna um adulto, mas continua ao longo da vida.

 

Portanto, que possamos ter padrinhos decentes e pais com bom senso, que escolham os padrinhos depois de um período de oração, que tenham real noção da vocação que é ser pai e mãe: que devem orientar os filhos para Céu. E com essa percepção possam escolher padrinhos que façam o mesmo.

 

Paz e Bem!

Traduzido e Adaptado do site Catholic Link English
por Salus in Caritate

 

 

Ana Paula Barros

Católica, fisioterapeuta e professora. É idealizadora do projeto Salus in Caritate, o projeto visa oferecer formação humana, espiritual, doutrinal.  

YouTube Salus in Caritate| Blog Salus in Caritate| Face Salus in Caritate

 

POSTS relacionados

Enviando Comentário Fechar :/

Instagram