Esperando pelo Sr. ou Sra Certa - Modéstia e Pudor

Esperando pelo Sr. ou Sra Certa

Esperando pelo Sr. ou Sra Certa

A maioria das pessoas passa por um período de espera antes de encontrar a pessoa com quem deseja passar o resto da vida. Para muitos, isso pode ser um momento de incerteza e até de solidão. Então, além de manter uma ótima higiene pessoal (porque isso é sempre importante), aqui está o que você pode fazer para se preparar para o seu futuro casamento:

O tempo que passamos antecipando a chegada do "Sr. ou a Sra. Certa" é em grande parte uma questão de vocação, então, para aqueles que não estão familiarizados com esse conceito, deixe-me levar um segundo para descrevê-lo. O cristianismo ensina que nosso objetivo final na vida é viver em comunhão com Deus e com os outros, que também compartilham dessa felicidade. Esta é uma maneira de descrever o Céu. Para receber e compartilhar esse tipo de amor, no Céu, precisamos nos tornar mais amorosos, e é isso que nossa vocação faz. A vocação é o meio pelo qual nós abraçamos o amor que se doa e nos deixamos moldar, para então receber o Amor. Se você percebeu que o casamento é a sua vocação, você pode se encontrar esperando o "Sr. ou a Sra. Certa". 

O que fazer então?

Quando temos um objetivo em mente, concentramos o nosso tempo e a nossa energia em nos preparar para esse objetivo, na esperança de que ele seja realizado. Por exemplo, estudamos um assunto específico para conseguir um emprego nesse campo. Isso pode levar anos de intensa preparação, mas não hesitamos em fazer o trabalho necessário se for um componente indispensável para alcançar esse objetivo.

Por alguma razão, quando se trata de casamento e da busca de nossa vocação, muitos de nós simplesmente aguardam o dia do casamento, quando deveríamos nos preparar . A chave para entender sua vocação é saber que não começa no dia em que você se casa. Você já deve viver sua vida de uma maneira que o prepare para o dia em que dirá: "Eu aceito". Então, se você está se perguntando como deve fazer isso, aqui estão algumas sugestões:

Saiba o tipo de pessoa com quem você quer se casar. 
Não confunda isso com uma lista de características, que depois te leva a recusar todo pretendente que não atende a todos os critérios da listinha. Você não quer se casar com uma lista, você quer se casar com uma pessoa. Em vez disso, decida que tipos de valores e características você deseja que seu cônjuge tenha e, em seguida, certifique-se de que possui o mesmo em você. Não é justo esperar que o seu futuro cônjuge atenda a altos padrões, a menos que você esteja cumprindo esses padrões também. Se você tem uma lista, torne-se a lista! Saber o tipo de pessoa que você deseja se casar te ajuda também a vencer a carência, que é comum nesses períodos, e que pode te levar a iniciar relacionamentos que não são bons, com pessoas que não tem nenhuma relação com quem você é, simplesmente por carência e medo de ficar só. 

Indico que assista esse vídeo sobre o tema: A LISTA DO PAR IDEAL FUNCIONA?

Alimente seu relacionamento com Deus. 
Parece clichê, mas é a mais pura verdade. Muitas vezes na dedicação de encontrar alguém, alguns perdem um tempo valioso que poderia ser dedicado à Deus. Todos nós podemos admitir: não somos seres abnegados e amorosos. Precisamos de ajuda nesse sentido e quem pode nos ajudar é o Deus que é Amor. Então, precisamos crescer em intimidade com Ele, na esperança de que possamos crescer em abnegação e amor. A melhor maneira de se fazer isso é através da oração e da recepção dos Sacramentos. Se você estiver se privando dessa relação com Deus, está se privando da fonte do Amor. E lhe pergunto, como quer encontrar e viver o amor?

Também indico essa lista de Exercícios Espirituais que podem te ajudar nesse ponto: Meditações de São João da Cruz e os Exercícios Espirituais de Santa Gertrudes de Helftá. 

Pratique a castidade. 
Se você não consegue aprender a ser fiel ao seu futuro cônjuge agora, o que o faz ter tanta certeza de que conseguirá mais tarde? Demonstrar sua capacidade de amar exclusivamente enquanto estiver solteiro irá atestar sua capacidade de fazê-lo a longo prazo e, provavelmente, você achará reconfortante se seu futuro cônjuge puder demonstrar a mesma coisa. Viva como se você já estivesse "reservado", porque você de fato já está.

Não gaste esse tempo de espera passivamente. Comece a viver sua vocação agora e mostre a Deus que você está pronto para receber a pessoa que ele está preparando para você.

Antes de me despedir, gostaria de indicar a leitura desse texto como complemento na abordagem desse tópico sobre vocação: A FIXAÇÃO VOCACIONAL: O QUE DEUS QUER?

Paz e Bem!

Ana

Texto inspirado em Waiting for Mr. or Mrs. Right por BRIAN HOLDSWORTH para o Project Chastity. 

Ana Paula Barros

Católica, fisioterapeuta e professora. É idealizadora do projeto Salus in Caritate, o projeto visa oferecer formação humana, espiritual, doutrinal.  

YouTube Salus in Caritate| Blog Salus in Caritate| Face Salus in Caritate

 

POSTS relacionados

Enviando Comentário Fechar :/

Instagram