Resenha de série: O pequeno Francisco

Resenha de série: O pequeno Francisco

Em nosso instagram sempre indicamos séries, filmes e documentários que possam ajudar na formação cultural e humana de nossos seguidores, porém muitos comentam que não encontram nossas recomendações. Neste sentido, a proposta da Lumine.tv é reunir um bom conteúdo de filmes, séries e documentários em um único lugar, facilitando o trabalho daqueles que buscam por boas indicações.

Nossa parceria com a Lumine teve como produto três resenhas de três filmes da plataforma. O primeiro filme resenhado foi o clássico “O Leopardo”, o segundo foi "O Santo Relutante" e a última resenha de nossa parceria é com a série "O pequeno Francisco"!

------------------------------------

Episódios curtinhos (mais ou menos de 10 minutos), histórinhas leves e aprendizado sobre virtudes de maneira lúdica. Esta é a proposta da série de desenhos "O pequeno Francisco", iniciativa do estúdio de animação "Arte Piedosa".

A vida de São Francisco de Assis é mostrada em formato de desenho, retratando cenas do cotidiano do santo. Se crianças são encantadas pelo lúdico, pelo fantástico, pelo animado, desenhos sobre virtudes e santos podem inundar a imaginação infantil com a pureza, o bem e a verdade.

É o caso, por exemplo, do episódio "Xô, tristeza", em que um menino que não gostava de dividir seus brinquedos ficou triste por ter quebrado um brinquedo. Nisto, ele conhece o pequeno Francisco, que o ajuda a enxergar a importância da alegria, de não ser egoísta e de fazer o bem.

Outro episódio interessante é "Os Pássaros", da segunda temporada. Francisco ensina sobre o respeito à natureza e faz seu famoso "sermão às aves", em que pássaros se amontoam ao redor do santinho para ouvir seu louvor à criação de Deus.

O Pequeno Francisco também pode ser uma maneira interessante de despertar nas crianças a vontade por conhecer a vocação ao celibato, hoje tão rechazada em nosso mundo. Uma boa dica aos pais é ao menos de vez em quando levar os filhos para conhecerem mosteiros e ordens religiosas, bem como levá-los a visitas de caridade em asilos e hospitais. Isto faz com que a criança perceba a vida consagrada e a caridade com naturalidade. Assim deve ser a vivência das virtudes: tão naturais e intrínsecas à nós que parecem tão necessárias quanto escovar os dentes ou tomar banho.

Não afirmamos aqui que crianças devem apenas ver desenhos religiosos. Todavia, é um fato que desenhos deste teor são muito úteis para a formação do imaginário infantil, levando em consideração que muitos psicólogos colocam que a infância é uma fase vital para a formação e desenvolvimento da personalidade de uma pessoa. Apresentar bons livros, bons filmes/séries (como "O pequeno Francisco") e boas obras de arte são maneiras de educar e formar positivamente a imaginação (e, consequentemente, a personalidade) de seus filhos.

Além disso, imagine se seus filhos falam destes desenhos para os amiguinhos? Estes se interessam e gostam do conteúdo? Não seria este um tipo de apostolado e vivência da fé no dia a dia, desde crianças?

Esperamos ansiosos por mais desenhos infantis sobre santos e virtudes! :)

 

Você pode assistir as duas temporadas de "O pequeno Francisco" na plataforma Lumine.Tv

 

Veja também: entrevista com o diretor da Arte Piedosa sobre a série no site Milicia da Imaculada

Equipe Modéstia e Pudor

Textos coletivos ou de autoria de outras pessoas que não são diretamente colaboradoras do blog

POSTS relacionados

Enviando Comentário Fechar :/